El Chaltén: conheça a capital argentina do trekking

El Chaltén foi fundada em 1985 e é a cidade mais recente da Argentina. Localizada dentro do Parque Nacional Los Glaciares, ela está a apenas 3 horas de distância do famoso Glaciar Perito Moreno, em El Calafate.

Sendo uma das cidades base para viajantes que estão explorando a região da Patagônia Argentina, El Chaltén é o lugar ideal para quem está em busca de trilhas, caminhadas e cenários surpreendentes. Considerada a capital argentina do trekking, a cidade recebe milhares de turistas vindos dos quatro cantos do mundo.


Quando ir

A melhor época para visitar El Chaltén é durante o verão, quando as temperaturas estão mais altas e não há muita neve impedindo o caminho dos aventureiros.

Os meses mais quentes são de outubro até abril e nessa época do ano os dias por lá são mais longos, o que ajuda muito na hora de planejar as caminhadas, que podem ir até um horário mais tardio.

Como chegar

Como El Chaltén é bem próxima a El Calafate, a maioria das pessoas seguem para a cidade dos trekkings a partir de El Calafate, que dá aproximadamente 2 horas de viagem de ônibus.


O que fazer

Há muitas atividades ao ar livre para aproveitar em El Chaltén, como já falamos, ela é a queridinha dos amantes de trekking, então o que não irá faltar é atividade para ser feita.

Nós temos um passeio full day (saindo de El Calafate) para conhecer mais da região, o Chaltén – Mirante dos Condores e Cascata Chorillo del Salto, onde desbravamos um pouco mais da cidade e seus cartões-postais!

Nesse passeio faremos uma caminhada de 1h30 até o famoso Mirante dos Condores, que é um mirante natural localizado sobre o povoado, com uma vista sensacional dos maciços Adele, Torre e Fitz Roy, além do vale do rio de las Vueltas. Também está incluso um almoço e na parte da tarde visitaremos a Cascata Chorillo del Salto com suas flores silvestres.


Os principais trekkings

Miradores Los Cóndores e Las Águilas

Esse é o trekking mais curto de El Chaltén, com um total de 6km - 3 na ida e 3 na volta. Apesar de curto, ele tem uma boa subida até ser alcançado. Ao final do trekking temos uma vista incrível da cidade e do famoso Fitz Roy.

Laguna Capri

Essa é uma trilha um pouco mais longa! Começamos ao norte de El Chaltén e seguimos o mesmo caminho que leva até a base do Monte Fitz Roy. Com um total de 12km você vai chegar até a Laguna Capri e ter uma vista surreal.

Laguna Torre

O trekking para a Laguna Torre é um dos mais famosos e exige mais esforço físico que os 2 anteriores: são 24km de trilha bem sinalizada. Os 3 primeiros km são mais complexos pois tem uma subida, mas após esse trajeto a trilha é plana e simples.

Laguna de Los Tres e base Fitz Roy

Esse é o trekking mais longo de El Chaltén e o mais famoso! São 26km de caminhada - 13km por trecho. Nessa trilha podemos admirar toda a beleza de Chaltén que vemos nas famosas fotos, além do incrível Fitz Roy.


Dicas extras

  • El Chaltén é uma cidade pequena e não há muitos bancos, caixas eletrônicos e, também, não é todo lugar que aceita cartão. Por isso leve uma quantidade suficiente de dinheiro para não ficar refém ao cartão.
  • Em El Chaltén há diversas trilhas e de diversos níveis de dificuldade. Fique atento ao grau de dificuldade da trilha que você irá executar para não ultrapassar os seus limites.
  • Quando for para as trilhas leve apenas uma mochila com os itens básicos (água, lanche, óculos de sol, protetor solar, câmera e capa de chuva) pois muito peso nas costas irá dificultar a sua caminhada.
  • Mesmo durante o verão, leve em sua mala gorros, luvas e agasalhos de frio.

Leia também:

Roteiro de viagem – Ushuaia, El Calafate e Buenos Aires

Conheça o verão da Patagônia Argentina