Curiosidade: Conheça os principais glaciares de Ushuaia

Curiosidade: Conheça os principais glaciares de Ushuaia

Além de El Calafate, os glaciares também fazem parte da exuberante paisagem de Ushuaia, tornando a Cidade do Fim do Mundo ainda mais bonita. Nesse texto, falaremos sobre as características e curiosidades dos principais.

Glaciar Alvear

Imagem: Seth Resnick/Science Faction/Corbis

Localizado a cerca de 26km do centro de Ushuaia, o Glaciar Alvear é de uma beleza completamente surreal. Ela está presa ao Cerro Alvear, montanha cujo cume atinge 1425 metros de altura. Aos seus pés, estão deslumbrantes cavernas de gelo, que proporcionam a quem as visita, uma experiência absolutamente única.

Essa maravilha natural foi batizada assim em homenagem a Marcelo Torcuato de Alvear, ex-presidente argentino que governou o país entre os anos de 1922 e 1928.

Glaciar Vinciguerra

Um dos principais glaciares da Cidade do Fim do Mundo, o Glaciar Vinciguerra é considerado de importância internacional para a preservação de animais, principalmente aves aquáticas. A Unesco, inclusive, monitora este glaciar para o seu Programa Hidrológico Internacional, que entre outras tarefas, visa estudar comportamentos das geleiras.

A homenagem feita neste glacial vai para o ictiólogo (biólogo especializado no estudo de peixes) italiano Décio Vinciguerra, que fez parte de uma equipe de pesquisa que veio do país europeu para estudar a fauna da Terra do Fogo, em 1881.

Glaciar Martial

Ushuaia - Glaciar Martial

Com localização no norte de Ushuaia, na encosta sul do Cerro Martial, o Glaciar Martial tem uma particularidade importante para a cidade. Além de ser belíssimo e atrair os olhares curiosos dos turistas que visitam a região, se tornou a mais importante fornecedora de água potável para a Cidade do Fim do Mundo. Por conta da sua imponência e proximidade, é possível observá-lo de alguns pontos da cidade.

O nome desse glaciar foi dado em homenagem a Luís Fernando Martial, expedicionário francês que foi até Ushuaia para estudar a trajetória que o planeta Vênus faz. Para isso, ficou cerca de um ano junto com outros cientistas em assentamentos nas proximidades do Cerro Martial.

Glaciar Ojo Albino

Situado no nordeste de Ushuaia, o Glaciar Ojo Albino ocupa incríveis 86 hectares de extensão. Além disso, é considerado um dos mais bonitos da Cidade do Fim do Mundo, muito por conta dos icebergs que ficam na sua laguna, uma beleza natural de cor esverdeada e que é alimentada por esse gigante gelado.

Em 1989, um guia chileno chamado Gustavo Giorgis nomeou o glaciar com essa alcunha, muito por conta da lagoa, que na época tinha uma cor branca e um formato parecido com um olho humano.

Ficou com vontade de conhecer esses belos glaciares? Arrume as malas e partiu Ushuaia!